Do que você escolhe cuidar?

Todas as nossas escolhas cuidam de alguma coisa. Pode ser do que achamos certo, pode ser do que precisamos, pode ser do que achamos que outras pessoas precisam, pode ser do que outras pessoas dizem que precisam…

Quando escrevo esse texto, estou cuidando de várias coisas. Quero criar conexão com meus leitores, manter minha produtividade, organizar meu dia em torno da concretização das minhas propostas, estar presente diariamente na internet, exercitar a escrita etc.

Conflitos surgem quando as pessoas decidem cuidar de coisas diferentes ao mesmo tempo.

Um amigo contou-me de ocasião em que, ainda pesquisador da universidade federal, viajou ao interior para entrevistar um homem que era muito pobre. Sentindo-se lisonjeado pelo fato de que alguém viria lá da universidade até sua casa apenas para entrevistá-lo, o homem preparou um prato de arroz, feijão e carne moída para meu amigo. Ocorre que meu amigo estava vegetariano na ocasião.

Do que você cuidaria nessa situação? De sua ética vegetariana? Da conexão com o homem entrevistado? De sua fome? De sua coerência com a escolha de não se alimentar de animais? De não fazer desfeita para alguém que provavelmente ralou muito para preparar aquela comida?

Não existe resposta certa.

O que existe é o cuidado com uma coisa ou com outra. O que você escolher dirá sobre o que você considera mais importante em uma dada situação específica. O conjunto das suas escolhas dirá sobre quem você é.


Also published on Medium.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *